reprodução automática próximo vídeo em 5s

Tratamento brasileiro devolve mobilidade das pernas a paraplégicos

Pacientes paraplégicos com antigas lesões na medula espinhal apresentaram melhoras sem precedentes na mobilidade e nas sensações com um treinamento de realidade virtual e o uso da robótica controlada pelo cérebro, informou nesta quinta-feira (11) uma equipe de cientistas liderada pelo brasileiro Miguel Nicolelis.

Seis homens e duas mulheres que perderam completamente o uso dos membros inferiores registraram progressos significativos, relataram os pesquisadores na revista "Scientific Reports".

Em quatro casos, os médicos foram capazes de melhorar seu status para "paralisia parcial", um nível inédito de melhoria através de técnicas não-invasivas. Leia Mais



UOL Cursos Online

Todos os cursos