reprodução automática próximo vídeo em 5s

Copa de 2014 compromete capacidade de satélites jamais utilizada

Para que bilhões de pessoas ao redor do mundo possam acompanhar o que vai acontecer nos estádios brasileiros, serão comprometidos mais de mais de 450MHz de capacidade dos satélites da SES, uma das maiores operadoras de satélites geoestacionários do mundo – assim chamados por estarem em uma órbita sobre o equador possibilitando um período de rotação igual ao da Terra, ou seja, 24 horas. Independentemente do dispositivo utilizado, televisores, tables ou smartphones, satélites localizados a 36 mil km no espaço estarão atuando. Eles vão possibilitar aproximadamente 30 mil horas de cobertura do evento. . Acesse o UOL Notícias.



UOL Cursos Online

Todos os cursos