! Análise: Máquina do Estado leva candidato inexpressivo ao 2º turno no CE - TV UOL

reprodução automática próximo vídeo em 5s

Análise: Máquina do Estado leva candidato inexpressivo ao 2º turno no CE

O deputado estadual Camilo Santana (PT), 46, e o senador Eunício Oliveira (PMDB), 62, vão disputar o segundo turno no Ceará, após uma mudança no cenário eleitoral nos dias anteriores à votação deste domingo (5). O petista, com o apoio do governador Cid Gomes (que pediu licença do cargo para se dedicar a campanha de Santana) passou a frente e chegou a 47,81% das urnas. Já o peemedebista, mesmo com apoio do senador eleito Tasso Jereissati (PSDB), conquistou 46,41% dos votos validos. Segundo Josias de Souza, blogueiro do UOL, a máquina estatal ainda tem um peso muito grande na eleição, a ponto de você pegar um candidato inexpressivo e tirá-lo do nada e chegar em uma posição competitiva em relação a outro [candidato] que já estava bem posto na pesquisa. Camilo tem uma carreira curta na política e se destacou nos últimos anos como secretário do governo Cid Gomes. Entre 2007 e 2010, foi secretário do Desenvolvimento Agrário. O cargo lhe deu o impulso necessário para, há quatro anos, ser eleito deputado estadual. No segundo governo de Cid, assumiu a Secretaria das Cidades. Leia mais aqui.