reprodução automática próximo vídeo em 5s

Polícia brasileira investiga pouco e mata muito, diz Anistia

Segundo o relatório divulgado nesta quarta-feira, a polícia brasileira investiga pouco e mata muito. A Anistia Internacional destacou o alto número de pessoas assassinadas por policiais em 2012. Só em São Paulo foram registrados 90 casos, só em novembro. A reportagem é de Livia Raick



UOL Cursos Online

Todos os cursos